Publicado por: Pé no Pedal | 20/05/2009

Boletim de Viagem Transoceânica #6

Estamos chegando ao final… Pois é, o nível de dificuldade é gigante. No dia 15/05 recebi as notícias, confiram no relato abaixo.

“Vamos parar por aqui, tentei chegar pedalando desde El Descanso, mas não foi possível, é muito desgastante pedalar nessas altitudes no estilo 100 km diários, não tem como, só para vc ter uma idéia a média de velocidade não chega a 10 km/h, difícil de acreditar não é?”. Se para ele está assim, para a maioria de nós estaria impossível de pedalar.


“Saí de El Descanso hoje por volta das 5:00 da manhã, fazia um frio perto de 0 grau, começei a pedalar mas não rendia, aquela média terrível de 10, 9 e até 6 km/h, isso sem vento! É difícil explicar, só estando aqui para acreditar”. Experimentem pedalar em uma bicicleta ergométrica (por exemplo) a 6 km/h, é terrível!

“Em 2 horas percorri 16 km, daí surgiu uma alma boa me oferecendo carona até Arequipa, e aí não recusei mesmo! No meio do caminho a estrada só foi subindo, até atingir 4.725 m/alt, fui tirando fotos do altímetro do relógio. Do local aonde aceitei a carona até Arequipa são 155 km de rípio (pedra e cascalho) apenas os 50 km finais é asfalto.

Chegamos em Arequipa quase meio-dia, quase 4 horas de viagem para cobrir 155 km, não preciso dizer mais nada! Na medida do possível fui tirando algumas fotos pelo caminho.

Estou em um Hostal próximo da Plaza das Armas em Arequipa que é um cidade muito grande, tem 1 milhão de hab., não é achômetro, também não chutei a população de Cuzco, é aquilo mesmo uns 300 mil hab., confira no Google”. Puxão de orelha em mim! rsss Em alguns posts atrás disse que era achômetro dele a população de Cuzco. rssss

“O turismo aqui também é forte, diversos passeios, descida de bike no Vulcão Misti, é só pagar $120 dólares… As bikes utilizadas: Merida e Scott.
Tem também a escalada no Vulcão, mas também é muito caro.

Vou conhecer o Cañon de Colca o vale mais profundo do mundo, $40 dólares.

Por conta de todas as dificuldades, deixarei o Pacífico para lá, faltam 126 km até Matarani, mas não vou encarar”. Cá para nós, mas isso é o de menos né? A coragem, disposição e a força de vontade já transformam esse menino num herói!

“Resumo numéricos da viagem:
Total de pedal: 705 km
Total de carona (caminhão e camionete): 420 km
Total percorrido aos trancos e barrancos: 1125 km
Temperatura mais baixa: 0 zero grau
Temperatura mais alta: 38 graus
Distancia máxima percorrida: 98 km
Distancia mínima percorrida: 42 km
Média máxima: 19 km
Média mínima: 9 km (a maior parte do tempo)
Dias de pedal: 13 dias
Dias de carona: 1 dia e meio

Em resumo posso dizer que foi fantástico, com todas as dificuldades e desafios que a natureza impôs, valeu a pena.
Para fazer essa viagem completa somente pedalando, seriam necessários no mínimo 30 dias.”

Valeu a força de todos!

Alexandre
Arequipa
Perú

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: